ISOLA FRANCA
Estate · Rua Madureira · Corcovado · Per la ama de ama · Via de la sol · Un fenetra abrida · Mea samba torseda · Imajina · Canta de India · Suzan · Invita per viaja · Arenas oro · La Sude · La brincacuadro · Cada umana ci memori ce el va mori · Sin tu me no esiste ·
PALMAS DE LA ENCANTA

Sin tu me no esiste

Mostra ance la testo orijinal

Antônio Carlos Jobim e Vinicius de Moraes (1958)
Traduida de la lingua portuges par Michel Gaillard

Me sabe, e ja tu sabe, ce la vive vole tal:
no cosa en esta mundo va sutrae tu de me
Me sabe, e ja tu sabe, ce la distantia no esiste
e ce alga ama grande es vera grande si lo tristi
mea ama no va teme cualce sufri par la causa
ce tota la paseas pasea me per tu

Lo es tal como la mar beli sola su la luna
Lo es tal como la canta sinifia sola si lo canta
o tal como la nube aveni sola si lo pluve
tal como la poeta grandi sola si el sufri
e tal como la vive sin ave ama no es vive
On no ave tu sin me e sin tu me no esiste

Eu não existe sem vocêAntônio Carlos Jobim e Vinicius de Moraes (1958): Eu sei e você sabe / Já que a vida quis assim / Que nada nesse mundo / Levará você de mim / Eu sei e você sabe / Que a distância não existe / Que todo grande amor / Só é bem grande se for triste / Por isso, meu amor / Não tenha medo de sofrer / Que todos os caminhos / Me encaminham pra você / / Assim como o oceano / Só e belo com o luar / Assim como a canção / Só tem razão se se cantar / Assim como uma nuvem / Só acontece se chover / Assim como o poeta / Só é grande se sofrer / Assim como viver / Sem ter amor não é viver / Não há você sem mim / E eu não existo sem você / Não há você sem mim / E eu não existo sem você

Esta paje es presentada con la lisensa CC Attribution-Share Alike 4.0 International.
Lo ia es automatada jenerada de la paje corespondente en la Vici de Elefen a 9 junio 2021 (17:46 UTC).